A PRESENÇA FEMININA NO AMBIENTE CORPORATIVO



A-PRESENÇA-FEMININA-NO-AMBIENTE-CORPORATIVO

O papel da mulher no mercado de trabalho vem crescendo e ampliando o leque de visibilidade. Segundo pesquisas, o número de mulheres com carteira assinada e também empreendedoras na última década aumentou cerca de 25%.

As mulheres estão deixando de lado os velhos paradigmas e hoje já crescem em profissões que antes eram dominadas por homens, como no ambiente corporativo, por exemplo.

A quantidade de mulheres que fazem parte do Conselho de grandes empresas, dobrou. Atualmente a representação feminina ocupa um quinto das posições no mundo, um aumento de 20,6% comparado com os últimos dez anos.

Considerada por muitos como uma “fraqueza”, a sensibilidade feminina tem sido destaque, um ponto forte. Com responsabilidade e ternura vem conseguindo se adaptar às mudanças do mercado, ajudando a solucionar problemas.

De acordo com estudo divulgado pela Serasa Experian, o Brasil possui quase sete milhões de mulheres empreendedoras. Outro estudo, feito pela OIT (Organização Mundial do Trabalho) mostra que entre 5% a 10% dos cargos de chefia das empresas já são ocupados por mulheres. E esses números só tendem a crescer.

A presença de mulheres em cargos de chefia é maior quando a presidência da empresa é ocupada também por uma mulher. Umas das explicações seria a de que empresas com mais mulheres “chefiando” tendem a oferecer um ambiente mais propício para que elas possam ascender profissionalmente e chegar à presidência.

Por outro lado, o fato de uma empresa ter uma mulher como presidente pode colaborar para que mais mulheres cheguem aos demais cargos. O papel profissional da mulher caminha para uma igualdade perante aos homens. Ainda estamos no começo de uma longa caminhada, mas já podemos ver grandes avanços.

A mulher moderna com dinamismo e carisma tem sua força, supera as dificuldades e não desiste da luta. Porque a força da mulher no mercado profissional não é apenas importante, ela é fundamental.


Comente essa postagem